Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors
Search in posts
05 Set 22

E-commerce: o que é e como pode usufruir dele

E-commerce: o que é e como pode usufruir dele

São inúmeras as vantagens para iniciar um negócio de e-commerce. Se tem um negócio e pretende expandi-lo para o universo digital, esta é a ferramenta ideal para que os seus produtos/serviços se tornem conhecidos em várias partes do país ou do mundo.

O E-commerce – ou comércio eletrónico -, diz respeito aos negócios que implementam o seu processo de compra e venda via internet. Ou seja, todas as transações comerciais são concretizadas através de ferramentas online. No fundo, trata-se de vendas concretizadas via internet, por uma única empresa, por meio de uma plataforma virtual própria.

O conceito de e-commerce acaba por ser redutor, uma vez que envolve muito mais do que a criação de um site. Na realidade, envolve um investimento que se diferencia pela sua estrutura de funcionamento ligada ao mundo digital.

Vale a pena lembrar que o e-commerce digitaliza aquilo que se faz numa loja real, envolvendo dois processos: vendas e atendimento ao cliente. Acaba também por abranger outras questões como o marketing, finanças ou controlo de stock.

A loja virtual é uma parte muito importante do comércio eletrónico, mas não pode ser considerada o seu todo ou a sua definição. O conceito de loja virtual entende-se como um único canal de vendas de um e-commerce, fazendo das redes sociais, email marketing e outros meios de marketing digital, apenas um meio de levar o utilizador à loja virtual.

Por vezes também se faz confusão entre e-commerce e o Marketplace. O marketplace fornece uma plataforma comum a vários utilizadores e empresas, para que estes vendam os seus produtos. Esta plataforma conta com a intermediação do processo de recepção de pagamentos, e, em algumas situações, poderá até exigir uma quantia pela garantia da entrega e da qualidade de um produto.

Para lojas consideradas mais pequenas, o marketplace pode ser uma alternativa bastante chamativa. Existe uma estrutura pré-definida de fácil gestão, sendo apenas necessário criar uma conta e começar a catalogar os seus produtos.

Lembre-se sempre do objetivo que pretende alcançar ao criar uma loja online. Uma aposta numa plataforma própria é sempre uma boa opção de negócio, desde que a sua estrutura esteja preparada para a gestão e operação da mesma. No fundo, apesar de ser um negócio não físico e na verdade ter menos custos do que uma loja física, todos os princípios de marketing e gestão deverão ser aplicados no ecommerce para conseguir ser bem sucedido e alcançar os resultados pretendidos.

A Brandtellers posiciona a sua marca no mundo digital. Fale connosco!
Conheça alguns dos nossos casos de sucesso de ecommerce em: https://brandtellers.com/projects/websites-apps/

A Brandtellers é especialista em Marketing Digital.
Contacte-nos e saiba o que podemos fazer pela sua marca!

Share